Gerenciar é estar à frente de processos e ser responsável pela condução de pessoas diferentes em prol de um objetivo — sucesso organizacional — que permita o melhor aproveitamento do capital humano indispensável para o crescimento do negócio.

Dessa forma, a gestão humanizada é a melhor maneira de alinhar a satisfação pessoal da equipe com os objetivos da empresa. É preciso valorizar os profissionais e tratá-los de maneira adequada para que os processos sejam eficazes e a empresa caminhe sem gargalos.

Quer saber como esse modelo de gestão pode ser útil para você? Confira, neste post, o que é a gestão humanizada e suas vantagens!

O que é a gestão humanizada?

Cada vez mais as empresas investem na gestão de pessoas e utilizam o RH de forma estratégica. Atuam ativamente no gerenciamento do capital humano, operam em parceria com os líderes e visam estimular e capacitar os funcionários em busca da produtividade.

Nesse novo modelo, o funcionário é visto como peça fundamental para o desenvolvimento organizacional e isso faz com que ele se sinta motivado a desempenhar um trabalho melhor e, paralelo a isso, as equipes tornam-se mais motivadas, eficientes e produtivas.

Além de todos esses procedimentos, para a gestão de recursos humanos ser eficaz a empresa precisará investir na automatização dos seus processos, eliminando serviços manuais que, em muitos casos, trazem desconforto e morosidade.

A automatização oferece qualidade de vida e permite que o funcionário não se desgaste tanto, tornando o trabalho mais leve e prazeroso. Mas, não pense que esse é um gasto a mais! Além de satisfazer o funcionário, os sistemas de gestão auxiliam na tomada de decisão e promovem um gerenciamento mais eficaz.

Quais são as vantagens de uma gestão humanizada?

A prática da gestão humanizada é uma ótima opção para o crescimento da empresa, tendo as pessoas como a força motriz intelectual e produtiva na cadeia de desenvolvimento que precisam ser estimuladas a executar bem suas atividades e entregar um resultado eficiente.

Para potencializar toda a força de trabalho, a organização precisa despertar no colaborador o desejo de pertencimento ao negócio, acompanhando ativamente suas aspirações pessoais que, por consequência, refletem na postura profissional.

São infinitas as vantagens de dar enfoque ao time de trabalho, mas elencamos as principais que podem ser um diferencial na corrida pelo topo no cenário econômico. Confira!

Retenção de talentos

Quem não gosta de ser valorizado? O funcionário que se sente importante e útil para a organização tende a continuar parte dela. Ou seja, se você mostrar a ele que suas competências são relevantes e sua presença é crucial para o processo, certamente este talento será um fiel e dedicado escudeiro.

Aumento da produtividade

Funcionários satisfeitos rendem mais! Se o funcionário consegue o equilíbrio entre suas necessidades pessoais e profissionais, ele se sentirá realizado e isso fará com que sua entrega seja maior.

O que significa que, para a humanização da gestão, é importante que a empresa entenda a carência de cada funcionário e crie soluções para que ele se sinta compreendido e transforme suas expectativas em produtividade.

Melhoria do clima organizacional

A insatisfação dentro da empresa faz com que as relações interpessoais fiquem estremecidas e isso impacta diretamente no crescimento do negócio. Por isso, investir no bem-estar das equipes, dar feedbacks positivos e torná-los mais participativos dentro ambiente de trabalho faz com que fiquem mais satisfeitos, melhorando o clima organizacional.

Redução do absenteísmo

Com a gestão humanizada, os processos têm seu foco voltado para a qualidade de vida e do trabalho de cada profissional. Isso evita afastamentos e faltas causados até mesmo por doenças que, em muitos casos, são iniciadas dentro da organização, como o estresse, por exemplo.

Já sabemos o quanto é essencial contar com um time engajado e em sintonia com o negócio. Cabe à empresa colocar em prática os valores prioritários da gestão humanizada para medição da performance do profissional dentro da organização, ajudando na identificação dos pontos negativos para melhoria.

Se você gostou deste post sobre a gestão humanizada, então siga as nossas páginas nas redes sociais para acompanhar todas as atualizações: estamos no Facebook, no Twitter e no Instagram!