Diversos fatores influenciam o desempenho dos seus colaboradores e causam impactos na rotina empresarial. Dentre eles, a higiene no ambiente de trabalho é um fator bastante importante, porém ainda é pouco considerada por empresários e gestores como item de influência na produtividade.   

Contar com uma política eficiente de limpeza e organização do escritório pode gerar vários benefícios para seus funcionários e para a própria empresa. Alguns deles são:

  • melhorar a qualidade de vida e a saúde dos empregados;
  • conservar equipamentos e materiais da empresa;
  • promover a conscientização e a disciplina dos trabalhadores;
  • contribuir com o meio ambiente, dentre outros benefícios.

Agora, que você já sabe a importância da limpeza para o escritório, que tal aprender a fazer a higiene no ambiente de trabalho? É só acompanhar os próximos parágrafos!

1. Evitar acumular lixo e sujeira nas mesas

A higiene é um processo que também depende da colaboração dos seus funcionários, por isso é preciso conscientizá-los sobre a importância dessa ação. Um bom começo é instruí-los sobre a importância de cuidar das suas próprias estações de trabalho, como mesas, computadores e outros espaços.

Comece solicitando que mantenham as mesas sempre limpas e que, ao final do expediente, joguem o lixo fora. Essa simples ação permite que entulhos não se acumulem e facilita o trabalho da equipe de limpeza, o que permite deixar o escritório sempre limpo.

2. Limpar móveis e equipamentos com produtos certos

Limpar não consiste apenas em retirar o lixo, mas também em preservar as coisas e deixá-las sempre com boa aparência. Já imaginou um cliente que chega a um escritório que está com móveis e cadeiras manchadas? Qual a impressão que passará? Desleixo e pouco comprometimento com as próprias coisas.

Lembre que móveis, ambiente e equipamentos têm produtos certos para a limpeza. Eletrônicos podem ser danificados com o uso de materiais errados. Escolha aqueles indicados pelo fabricante. Os móveis exigem itens como lustra-móveis, e pisos e paredes também contam com produtos específicos para limpar e esterilizar.  

3. Ter boa iluminação e temperatura

Luz em excesso incomoda e atrapalha o trabalho. Pouca iluminação causa irritação e pode gerar problemas de vista. Ambientes muito frios são propícios à disseminação de doenças e dificultam a execução das tarefas. Os locais muito quentes geram cansaço, sono e desestimulam a rotina diária.

Portanto, aposte em ambientes que possam ter boa luz natural e escolha lâmpadas que conservem um bom grau de iluminação. Além disso, saiba definir uma boa temperatura no ar-condicionado para que o local fique agradável para todas as pessoas (desde os colaboradores até os clientes).

4. Manter áreas comuns livres

Caixas, armários, cestos e outros móveis e equipamentos podem facilitar a rotina de trabalho, mas se ficarem amontoados em cantos ou ocupando muito espaço no escritório acabam por acumular poeira e lixo, além de dificultar qualquer tipo de esforço de limpeza. Então, capriche sempre na arrumação.

Procure encontrar espaços apropriados para guardar as caixas, disponibilize cestos e lixeiras em espaços estratégicos e tenha apenas móveis necessários para a execução do trabalho. Além de contar com um ambiente limpo e fácil de arrumar, também libera espaço e cria um ambiente mais convidativo.

A produtividade dos seus colaboradores também está ligada ao bem-estar na empresa. Portanto, a higiene no ambiente de trabalho é um processo essencial para construir relacionamentos mais saudáveis com os funcionários e estimular o desempenho deles.

O que achou deste artigo? Deixe um comentário contando as suas opiniões e experiências em relação à higiene no ambiente de trabalho!