Uma das maiores preocupações de qualquer empresa é a dificuldade em receber dos clientes dentro do prazo. Muitos deles acabam atrasando, o que desestabiliza o fluxo de caixa da empresa, podendo comprometer seriamente o andamento do negócio. Por isso é importante ter o controle da inadimplência, a fim de evitar prejuízos e proteger a saúde financeira empresarial.

Essas práticas de gestão otimizam os processos de cobrança e aumentam a qualidade dos serviços de sua empresa. No post de hoje, você vai saber como ter esse controle em seu negócio. Confira agora!

Ofereça vantagens para os bons pagadores

Uma maneira excelente para ter o controle da inadimplência e manter um cliente como bom pagador é por meio de incentivos à fidelidade. Para isso, é preciso oferecer formas para que ele consiga realizar o pagamento de forma antecipada fornecendo descontos, por exemplo. Essa prática, além de possibilitar a manutenção das vendas, proporciona a vantagem de receber o dinheiro antes do previsto.

Além disso, é interessante dar a seus clientes opções de pagamentos, uma vez que isso facilita que eles fiquem sempre em dia. No entanto, tenha sempre cuidado com determinadas formas, como notas promissórias, crediário, cheques etc. Priorize o cartão de crédito e o boleto bancário, pois são maneiras interessantes para que eles fiquem sempre em dia.

Faça um planejamento levando em conta a sazonalidade

Um planejamento eficiente sobre a época do ano em que os clientes apresentam contas mais apertadas pode ser bastante vantajoso para a sua empresa. Geralmente, os 3 primeiros meses do ano demonstram um percentual maior de inadimplência, de modo que os empresários precisam criar ofertas de crédito nesse período.

Assim, elaborando planilhas para controle, é possível indicar os meses em que a empresa teve maior dificuldade em receber dos clientes, permitindo um planejamento financeiro melhor, para que se evite as surpresas desagradáveis.

Conheça o histórico do cliente

As empresas que buscam saber sobre o histórico do cliente conseguem identificar aquele que apresenta maior dificuldade em realizar o pagamento em dia. Porém, para que isso seja viável, é necessário estar com dados sempre atualizados e organizados.

Dessa forma, sabendo quem é o cliente inadimplente, não é preciso negar a venda parcelada a ele, mas você vai poder oferecer meios com menos riscos e mais inflexíveis, a fim de evitar um possível prejuízo para o seu negócio.

Use a tecnologia para ter o controle da inadimplência

Há um tempo, era preciso que os empresários criassem meios de gestão para manter o controle do seu negócio. Um exemplo seria o livro-caixa, que guardava todas as anotações de vendas. Ou seja, todo o controle era feito de modo manual, o que acarretava bastante tempo.

Atualmente, existem diversas ferramentas para otimizar a gestão de qualquer empresa, além de auxiliar no controle da inadimplência. Esses mecanismos são capazes de automatizar as informações sobre vendas, despesas, estoques, entre outros que demonstram um panorama do seu negócio em tempo real.

Portanto, a inadimplência é um problema bem comum nas empresas. De modo geral, é importante que você saiba lidar com essas situações para evitar problemas financeiros em seu negócio.

Gostou das dicas para controle da inadimplência nas empresas? Deixe o seu comentário no post com suas dúvidas e impressões!